fbpx

3 ferramentas para plano de negócios que você precisa conhecer

ferramentas para plano de negócios
Escrito por:

Não importa se você está se preparando para iniciar seu empreendimento ou deseja expandir sua empresa, pensar em utilizar ferramentas para plano de negócios é uma excelente ideia, pois ter um plano de negócios, sem dúvida, vai te levar mais longe que seus concorrentes.

Mais que isso, sem um plano de negócios adequado, fica difícil mensurar as necessidades de investimento ou até prevenir dificuldades.

Mas como preparar um plano de negócios eficiente para sua empresa?

Existem ferramentas para plano de negócios que ajudam todos os tipos de empreendedores em diversas áreas. Ou seja, utilizando-as você consegue ser muito mais assertivo para preparar seu plano, auxiliando na sua aplicação prática posteriormente.

Quer conhecer essas ferramentas para começar agora mesmo? Continue a leitura!

O que preciso para começar meu plano de negócios?

O plano de negócios deve ser preparado considerando:

  • Público alvo e posicionamento da empresa
  • Proposta de valor
  • Estrutura da cadeia de processos
  • Missão, visão, valores e cultura organizacional
  • Vantagens competitivas

Essas são partes básicas de um plano, no entanto, elas variam em conteúdo de acordo com o tipo de empreendimento. Quem pretende iniciar um serviço de delivery tem uma proposta de valor bastante diferente de uma empresa de importação.

No entanto, você não precisa de muitas informações para realizar o seu primeiro plano. Com o passar do tempo a tendência é que esse planejamento inicial se desenvolva e evolua para atender melhor o mercado. Por isso, o recomendado é ter somente sua ideia inicial e o tipo de negócio que deseja realizar. O restante pode ser desenvolvido durante a elaboração do plano de negócios e deve ir mudando com o tempo.

Devo usar um modelo de plano de negócios pronto?

Existem diversos tipos de planos de negócios prontos, alguns mais elaborados e completos que outros. Estudantes de administração provavelmente já encontraram um ou outro em seus livros e realmente, planos prontos são excelentes para estudos. Existem inclusive alguns materiais com planos já preenchidos para consulta.

No entanto, qualquer tipo de planejamento padrão deixa bastante a desejar para empreendedores. Eles não são flexíveis o suficiente para quem deseja elaborar um projeto realmente inovador ou que possa se adaptar ao mercado. Dependendo do tipo de material utilizado, um plano pronto é extremamente difícil de colocar em prática e eventualmente deixa de ser utilizado pelo empreendedor.

Por isso, é importante utilizar diversas ferramentas para plano de negócios na hora da elaboração. Elas se complementam e te ajudam a ter uma visão mais completa do seu empreendimento.

Quais são as melhores ferramentas para plano de negócios?

Existem diversos tipos de ferramentas para plano de negócios disponíveis para quem pretende realizar essa tarefa. Considerando seu número, fica difícil entender quais e quando utilizá-las.

Confira abaixo as principais ferramentas que devem ajudá-lo a melhorar seu planejamento empresarial.

1. Análise SWOT

swot 3 ferramentas para plano de negócios que você precisa conhecer

A Análise SWOT, ou matriz FOFA em português, é uma das ferramentas para plano de negócios mais conhecidas. Ela analisa as forças, oportunidades, fraquezas e ameaças que uma oportunidade de empreendimento enfrenta. Através da utilização da matriz é possível realizar um diagnóstico de fatores internos e externos.

Esse tipo de análise geralmente é realizada por um gestor ou profissional de marketing antes de tomar decisões importantes. É importante que ela seja bastante completa para que toda a equipe envolvida no projeto compreenda seu posicionamento no mercado e em relação a concorrentes.

Para realizar a Análise SWOT é necessário avaliar fatores internos e externos à empresa. Entre os fatores internos encontram-se:

  1. Forças: características internas da empresa que representam vantagem sobre a concorrência;
  2. Fraquezas: características internas que representam uma desvantagem sobre a concorrência e sobre os quais a empresa tem controle, podendo alterá-los.

Entre os fatores externos é preciso avaliar:

  1. Oportunidades: um fator no mercado ou economia que cria uma oportunidade para a empresa. O gestor não possui controle sobre ele, mas pode aproveitá-lo para alavancar seu negócio;
  2. Ameaças: um fator no mercado ou economia que representa um perigo, o gestor também não possui controle algum e precisa preparar-se.

Depois de definir cada ponto as informações devem ser dispostas num quadrante para análise. Lembrando que essa ferramenta deve ser muito detalhada para ter utilidade.

2. Plano simplificado MAT

swot 3 ferramentas para plano de negócios que você precisa conhecer

O Plano Simplificado MAT (Metas, Ações e Tarefas), está entre as ferramentas para plano de negócios dirigidas a pequenos empresários, especialmente MEIs com faturamento mensal máximo de R$ 5 mil.

Essa é uma das ferramentas para planos de negócios mais simples, pois serve para orientar o planejamento de empresários não familiarizados com técnicas de gestão como análise SWOT, Breakeven Point, Payback, Análise BCG, 5 Forças de Porter, 4Ps etc.

Na verdade, o MAT é uma espécie de plano muito simplificado de negócio. Assim como o plano de negócio tradicional, tem limitações, mas pode ser útil para empreendedores individuais em início de carreira. A lógica do MAT é encontrada em outros conceitos. Mas foi Guy Kawasaki quem popularizou o termo.

Sua aplicação é bastante simples e prevê:
a) Metas
b) Ações para atingi-las
c) Tarefas a serem realizadas nas ações

Basicamente, o empreendedor cria uma tabela detalhada a respeito de suas metas e o que deve fazer para alcançá-las. Não é necessário colocar prazos, mas as tarefas devem ser específicas e bastante detalhadas. É possível realizar um plano simplificado MAT em qualquer etapa do empreendimento, mesmo em empresas já em pleno funcionamento.

3. Business Model Canvas

swot 3 ferramentas para plano de negócios que você precisa conhecer

O Business Model Canvas está ganhando popularidade entre as ferramentas para plano de negócios. Ele é um modelo visual que foi criado para estimular o empreendedorismo. O Canvas é um mapa dividido em setores essenciais para a empresa, como segmento de clientes, proposta de valor e recursos chave.

Uma de suas grandes vantagens é a velocidade na elaboração. Como ele não é uma tabela ou texto que precisa ser escrito extensivamente, gestores conseguem criá-lo em sessões curtas de brainstorming

Por isso, recomenda-se usar o Business Model Canvas mesmo quando a empresa já está adaptada a outros tipos de planos de negócios.

Conclusão

Quem utiliza um plano de negócios para compreender melhor sua área de atuação e as possibilidades de crescimento da empresa, consegue crescer de forma mais controlada. Além disso, o plano ajuda a identificar riscos e criar estratégias para prevenir-se.

Você está pensando em abrir um negócio? Não esqueça de usar uma (ou todas) as técnicas de planejamento que mostramos aqui. Se você já tem sua empresa pode aplicar também e se surpreenderá com os resultados.

Se você quer descobrir mais e deseja começar a utilizar ferramentas para plano de negócios no seu dia a dia temos uma excelente recomendação: confira nosso material completo sobre o Business Model Canvas e faça o download gratuitamente. Ele te ajudará a montar a estratégia perfeita!

swot 3 ferramentas para plano de negócios que você precisa conhecer

 

Share

Comments

  1. […] situações o BMC será o próprio modelo de negócios, em outras situações o BMC será uma ferramenta para plano de negócios. E como elaborar um plano de negócios na ferramenta […]

  2. GISLAINE AMERICO : abril 30, 2019 at 1:48 pm

    Ótimas ferramentas. Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *