fbpx

12 Dicas para quem vai criar uma nova marca do zero

como criar uma marca do zero
Escrito por:

Quem resolve criar uma nova marca precisa competir com grandes nomes que já têm um público fiel no mercado. A única saída é definir exatamente como sua empresa consegue se diferenciar das outras. Isso só pode ser feito através de uma marca bem definida.

Confira 12 dicas que te guiarão por esse processo ajudando a chegar ao sucesso.

1. Descubra se a Marca já foi registrada

Antes de tudo, é preciso pesquisar se a marca que está criando e pretende divulgar, ainda não existe.

Essa pesquisa pode evitar gastos e transtornos desnecessários para você, já que a principal finalidade do registro de marcas é a de garantir quanto ao uso exclusivo da marca e proteger seu negócio da concorrência desleal e atos de má fé realizados por terceiros.

Registre a sua marca antes que alguém faça isso!

Se a marca que você escolheu ainda não foi registrada, que bom. Mas procure o quanto antes registrá-la para garantir que ninguém copie sua ideia. Registrar a sua marca é um diferencial que pode lhe proporcionar grandes negócios. Saiba mais nesse artigo: Registo de marcas: tudo que você precisa saber

2. Faça uma boa pesquisa de mercado

Quer atuar na área de restaurantes da sua cidade? Ótimo, comece a pesquisar quais tipos de serviços já existem na sua área e como o público os enxerga. É importantíssimo descobrir como está o mercado antes de introduzir sua própria marca.

Nessa fase você consegue inclusive descobrir necessidades dos clientes que outras empresas não estão suprindo.

A pesquisa de mercado para criar uma nova marca pode ser feita através de entrevistas, enquetes ou grupos focais. Tudo vai depender do tamanho do público, da área de atuação e tipo de empresa que você pretende criar.

3. Defina seu público-alvo

Conhecendo bem o mercado já dá para definir qual público você deseja atingir. Não adianta ter uma definição vaga como homens ao redor dos 40 anos. É impossível agradar a todos, portanto, dedique seus esforços a pessoas que realmente vão comprar seu produto ou serviço.

Escolha um público bem definido, incluindo idade média, gênero, ocupação, renda, entre outras características. Sabendo com quem você pretende lidar é possível direcionar a marca para agradar essas pessoas ao máximo.

4. Pesquise a concorrência

O público-alvo não é o único fator que determina seu sucesso ou fracasso. Descubra com quem você precisa competir na área e como elas dominam o mercado. Nunca é uma boa ideia copiar algo que outras marcas fizeram, mas usá-las de inspiração muitas vezes ajuda.

Aproveite para analisar as estratégias que cada empresa usou para se definir no mercado. O que elas fizeram certo ou errado? Aprenda isso para aplicar ao criar uma nova marca com sucesso.

5. Escolha uma missão clara

Já percebeu que empresas que dominam o mercado têm uma missão e visão claramente definidas? Elas inclusive usam essa visão como estratégia de divulgação, que é o caso da Nike e seu tão conhecido slogan: just do it.

Para criar uma identificação com seu público alvo é preciso ter valores para seguir. Algo importante: os valores precisam ser alinhados com os do seu público para que eles consigam se identificar com a marca.

6. Crie uma voz autêntica

Como será sua comunicação? É exatamente isso que “criar uma voz” quer dizer. Dependendo de quem vai comprar seus produtos é necessário ser mais formal e profissional. Outras vezes é mais interessante ser amigável e descolado, como acontece com muitas marcas com uma audiência jovem.

Utilize essa voz de maneira consistente através de todas suas comunicações, desde a página do Facebook até o e-mail marketing.

7. Dê personalidade ao criar uma nova marca

Consumidores vivem num mundo digital no qual eles se comunicam com seus amigos e marcas através das mesmas plataformas. Isso significa que eles procuram uma comunicação personalizada e diferenciada, direcionada diretamente para eles.

Não adianta criar uma nova marca se ela não tiver personalidade. As pessoas precisam perceber que estão olhando para algo autêntico e diferente que merece atenção.

8. Criação de uma boa logomarca

A identidade visual é parte do que faz uma marca se sobressair no mercado. Um exemplo clássico é o McDonald’s. Seu gigante M amarelo pode ser reconhecido em qualquer lugar, mesmo quando você não está procurando por ele. É exatamente isso que alguém criando sua marca do zero busca: uma logomarca que defina sua identidade visual e torne o reconhecimento da marca fácil.

Para conseguir criar seu logo é preciso ter todas as características, público, missão e objetivo da marca definidos. O conteúdo visual deve combinar com essas temáticas e passar sua personalidade. A melhor opção para conseguir criar um logo de sucesso é contratar uma empresa ou profissional especializado.

Após o desenvolvimento da logomarca chega a hora de criar todo o restante da identidade visual da marca. Lembrando que o esquema de cores, tipografia e outros elementos visuais precisam estar em conformidade com o logo a todo momento.

9. Conheça suas principais vantagens

Por que alguém deve comprar com você e não com as dezenas de outras marcas que estão oferecendo algo similar? Se é incapaz de responder essa pergunta, pare por alguns minutos para pensar, pois sua resposta a ela, é essencial para sua sobrevivência.

Mesmo que sem o reconhecimento do mercado ou o budget quase infinito para investir em marketing, sua nova marca tem algo diferente para oferecer. Você deve saber o que é isso e inserir essa mensagem na sua estratégia.

10. Defina sua estratégia de marketing de conteúdo

Atualmente o marketing de conteúdo é a melhor maneira de se conectar com seu público. Conhecendo seu público-alvo, voz e personalidade, chega a hora de começar a se tornar conhecido. Para isso você deve definir que tipo de conteúdo quer usar para se comunicar com seu público.

O marketing de conteúdo inclui estratégias em blog, site e redes sociais. Uma opção para quem ainda não tem completo conhecimento ou tempo para a criação de boas campanhas e contratar uma empresa ou profissional especializado.

11. Desenvolva seu site

Redes sociais são ótimas para chamar a atenção do público, mas uma hora você precisará do próprio site. Seu portal é um lugar onde as pessoas conseguem conhecer completamente sua marca e serviços ou produtos. Ele também pode ser usado para a estratégia de marketing através da criação de um blog. Posso te dar pelo menos 5 motivos para sua empresa ter um blog.

12. Implemente, analise e ajuste

De nada adianta passar por todos os passos anteriores se a estratégia para criar uma nova marca ficar guardada na gaveta. Implemente suas decisões e faça análises frequentes para acompanhar como a nova marca está se saindo no mercado. Caso seja necessário faça pequenas mudanças para atingir melhor seu público.

RECEBA NOVIDADES
Cadastre seu e-mail para receber novidades e dicas exclusivas da Agência Site Bem Feito!

assine-nossa-newsletter-300x74 12 Dicas para quem vai criar uma nova marca do zero

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *